adubo para suculentas

Como aplicar o adubo para suculentas

As suculentas são plantas de várias famílias botânicas que têm as raízes, os troncos e, as mais comuns, as folhas com capacidade para absorver e armazenar de água em quantidades muito maiores que outras famílias de plantas. Esta característica permite que as suculentas suportem períodos de seca, mantendo-se apenas com as reservas dos líquidos armazenados.

Entre as suculentas mais conhecidas estão plantas da família dos cactaceae: como os cactos, xique-xiques e mandacarus. Alguns arbustos, outros, arbóreos com ramos longos e cilíndricos, outros ainda, chatos ou abaloados; todos cobertos por um tecido espesso que proporciona a proteção para o armazenamento de preciosos líquidos, favorecendo sua subsistência em ecossistemas áridos, como desertos, ou semiáridos, como a caatinga e o cerrado.

Algumas suculentas são bem populares nos lares e jardins brasileiros, como os aloés, a rosinha-de-pedra e a flor-de-maio, que são fáceis de cultivar em vasos e se adaptam aos ambientes domésticos, desde que sejam cuidados de forma adequada.

As suculentas que precisam ser plantadas em vasos rasos e com boa capacidade para o escoamento de líquidos, e assentadas em substratos drenáveis e arenosos. As raízes das suculentas não podem ficar encharcadas, então o substrato pode ser preparado na proporção de 40% de areia grossa para jardim, 30% de terra, 20% de casca de pinho triturada, e 10% de pedrinhas de rio. Mas, devem ser regadas de forma suficiente para manter uma leve humidade no solo.

É importante deixar as suculentas e os cactos em um local que recebam algumas horas de sol diariamente, de acordo com o seu tipo. Alguns tipos precisam mais de sol, e outros tipos se dão bem à meia-sombra. É preciso conhecer um pouco sobre o tipo de suculenta que está sendo cultivada. A iluminação natural é fundamental para o seu desenvolvimento, e para que possam produzir a fotossíntese.

Os cactos e as suculentas têm a capacidade de reter a água em sua superfície, protegendo seus tecidos de algumas agressões, ao mesmo tempo em que a permitem que a fotossíntese ocorra na própria superfície, aproveitando o líquido retido.

 

A fertilização das suculentas

Além da luz do sol e da baixa humidade, os cactos e as suculentas requerem uma adubação com um bom fertilizante que reúna em perfeito equilíbrio macro e micronutrientes para o fortalecimento de seus talos e tecidos.

O Vita Garden Suculentas é um fertilizante de solo desenvolvido especialmente para atender as necessidades nutricionais das mais variadas espécies e cactos de suculentas. Em sua composição, o Vita Garden Suculentas é um fertilizante organomineral rico em compostos orgânicos naturais, fornecendo os nutrientes necessários ao bom desenvolvimento das suculentas. É totalmente solúvel em água, devendo ser aplicado diretamente no substrato de forma bem moderada, para não encharcar as raízes.

A Vita Garden é uma empresa brasileira que produz e comercializa fertilizantes organominerais, como o adubo para suculentas, feitos à base de pescados marinhos, extrato de algas e melaço de cana-de-açúcar, compostos orgânicos naturais importantes para o fortalecimento de muitos tipos de plantas.

Para conhecer mais detalhes sobre o cultivo e a nutrição dos cactos, das suculentas e de muitas outras plantas de seu jardim, visite o site e o blog da Vita Garden.

Compartilhe este artigo
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •